Menu

Escrita do LP

Outros

Painel controlo

  • Email:
  • Palavra-passe:
  • Lembrar dados
  • Ir administraçào


Tália

Poetas

Amigos

Inquieta | 25Jul2007 00:00:00


Publicado por: Vera Silva

Deixas-me assim inquieta,
À beira da loucura...
Ora me amas, ora me odeias,

E isso dá-te um prazer sádico

De homem-poeta,

Que toca ternura
Nessa música em que me enleias
No teu amor tão mágico.


Nesta paixão desmedida
Que fico enredada,
Sonho com tua voz
E ouço-a até a dormir.

E, já arrependida
De não estar embrulhada
Nessas tuas palavras que nós

Queremos em conjunto mentir


Dizendo ao mesmo tempo:
"Amo-te"
 

Partilhar:


Para poder comentar necessita de iniciar sessào.

Procura

Mais comentados

Não existem artigos comentados

Calendário

D S T Q Q S S
      01 02
03 04 05 06 07 08 09
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30

Feeds